Parte das contratações feitas pelo Cruzeiro nas últimas duas janelas de transferência chegou sob a condição de empréstimo. Seis delas com opção de compra ao fim do vínculo. Os valores e as condições variam, mas o clube mineiro tem duas situações a resolver já na próxima janela, em julho.

A principal delas é com Matheus Pereira. O camisa 10 do time está emprestado pelo Al Hilal, da Arábia Saudita. A opção de compra gira na casa dos R$ 60 milhões e poderá ser paga de forma parcela. O jogador, na temporada, tem oito jogos e quatro assistências.

Outro com empréstimo encerrando é o zagueiro João Marcelo. Cedido pelo Porto, o defensor tem opção de compra de 1,5 milhão de euros (cerca de R$ 8 milhões). Pouco aproveitado no ano passado, o zagueiro vem sendo titular em 2024 e fez seis jogos.

Para o fim do ano, são quatro jogadores emprestados e com opção de compra. Contratado no começo da temporada, vindo do Porto, Gabriel Verón não atuou ainda por ter sofrido lesão durante a pré-temporada. A opção de compra está em 10 milhões de euros (cerca de R$ 54 milhões).

As três últimas contratações na janela também são nessas condições. Vindo do Argentinos Juniors, Lucas Villalba chegou por empréstimo, com o clube mineiro tendo opção de compra de R$ 4 milhões. Ele entrou nos dois últimos jogos.

Mesma situação de José Cifuentes. O equatoriano vem do Rangers, da Escócia. A opção de compra do jogador também tem valor alto. Cerca de 3 milhões de euros (R$ 15 milhões) é o valor para compra do volante.

Por último está Álvaro Barreal, vindo do Cincinnati. O argentino de 23 anos chega por empréstimo até o fim do valor com valor de compra de mais de R$ 20 milhões.

GE


Avatar