Informações de Contato

Belo Horizonte - MG

Atendimento

Sábado (30/07) e domingo (31) serão dias movimentados na política em Minas Gerais. Neste fim de semana, serão realizadas novas convenções partidárias, iniciadas em 20 de julho conforme legislação eleitoral, que devem definir candidatos e apoios para as eleições de outubro de 2022.

São esperadas as presenças de dois presidenciáveis na cidade: Ciro Gomes (PDT) e Simone Tebet (MDB). O governador Romeu Zema (Novo) e o ex-prefeito Alexandre Kalil (PSD) também vão participar de convenções de aliados.

A partir das 8h deste sábado, ocorrerá a convenção do Movimento Democrático Brasileiro (MDB). O evento acontecerá na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), em Belo Horizonte, e terá a presença de Tebet.

O partido apoiará o governador Zema, candidato à reeleição. Outra legenda que estará com o novista será o Partido Progressista (PP), que tem convenção agendada para as 10h de sábado na Câmara Municipal de BH. Segundo a legenda, o governador estará no evento.

O nome favorito ao posto de senador na chapa de Zema é do deputado federal Marcelo Aro (PP-MG), outro confirmado. A ALMG pode ser palco de encontro de presidenciáveis em caso de atraso do evento do MDB.

Isso porque, às 14h, no mesmo local, está marcada a convenção do Partido Democrático Trabalhista (PDT), legenda de Ciro Gomes. Ele é aguardado na capital mineira para participar do evento.

A legenda não conta com um nome para governador e estuda alianças com outros partidos, como o PSDB, que deve ter Marcus Pestana (PSDB) como nome ao Governo de Minas. Estuda-se também o lançamento do vereador belo-horizontino Bruno Miranda (PDT) como nome ao Senado.

O Solidariedade (SD), que apoiará Zema em Minas, fecha o sábado de convenções na ALMG. Já às 15h, longe da Assembleia, na Casa Mandato Federal Áurea Carolina, o Partido Socialismo e Liberdade (Psol) realiza evento para lançar Lorene Figueiredo (Psol) como nome ao Governo de Minas.

A professora Sara Azevedo (Psol) também deve ser confirmada como nome na disputa ao Senado. Mesmo com apoio nacional a Lula (PT), candidato à Presidência, o Psol vai enfrentar nomes apoiados pelo petista em Minas: Alexandre Kalil (PSD), candidato ao governo mineiro, e Alexandre Silveira (PSD), senador candidato à reeleição.

PSB

No domingo, o PSB fará sua convenção na Assembleia, com a presença de Kalil, Silveira e apoiadores.

O PSB declarou apoio a Kalil e retirou a candidatura de Saraiva Felipe (PSB) da disputa ao governo mineiro.

Também no domingo, um evento do Psol com a Rede Sustentabilidade (Rede) será realizado. A Rede, mesmo sendo aliada dos socialistas, declarou apoio a Kalil nas eleições de 2022. O cenário deve ser definido no encontro.

Prazo

A confirmação de todos os nomes e do cenário completo da eleição será feita até 5 de agosto, data limite para realização das convenções partidárias. Depois, os partidos têm até o dia 15 do mesmo mês para registrar as candidaturas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Além dos citados, outros candidatos podem surgir.


Avatar

editor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.