Informações de Contato

Belo Horizonte - MG

Atendimento

A vereadora de Belo Horizonte Duda Salabert (PDT) anunciou neste sábado (30/07) que não será candidata ao Senado nas eleições de outubro de 2022. Segundo Duda, uma possível aliança do PDT com o PSDB inviabiliza a candidatura.

“Senadora não. Porque há possibilidade de o partido fazer uma aliança com o PSDB, e eu não queria associar minha luta e o que represento com aqueles que colocaram o país nesse contexto de crise”, afirmou, ao Estado de Minas.

Em 2018, Duda se candidatou à senadora por Minas quando era filiada ao Psol e ficou na oitava posição, com 1,99%. Já em 2020, ela se candidatou para vereadora e foi eleita com recorde de votos na história da capital mineira – 37.613.

O nome de Duda estava no radar para o Senado, mas agora ela pode sair como candidata a deputada federal. Agora, o nome da vez para o PDT é o do colega de Duda na Câmara Municipal de Belo Horizonte, Bruno Miranda (PDT).

Aliança com o PSDB

O PDT não terá um nome para a disputa ao Governo de Minas em 2022. Muito por isso, há possibilidade de aliança com o PSDB – que tem como cabeça de chapa Marcus Pestana (PSDB).

Duda criticou o movimento do PDT e também afirma que uma definição se ela sairá como candidata ou não ocorrerá posteriormente.

“A gente está conversando com nossa equipe. Temos até dia 8 para decidir se vamos sair como candidata a deputada ou não”, disse à reportagem.

As eleições acontecem em 2 de outubro. Caso necessário, o segundo turno ocorrerá no dia 30 do mesmo mês.


Paola Tito

editor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.