Informações de Contato

Belo Horizonte - MG

Atendimento

O jornalista Eduardo Costa divulgou um vídeo, nas redes sociais, nesta segunda-feira (1/8), para anunciar que não será o vice na chapa do governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), à reeleição.

“Eu fui convidado no dia 17 de julho e me senti honrado, honrado do tamanho do mundo… ele [Zema] me escolheu entre 21 milhões de mineiros para ser seu braço direito”, disse. “Na hora eu topei”, brincou.

Apesar de ter aceitado o convite, Eduardo conta que a candidatura não deve acontecer devido às negociações entre o Cidadania, partido no qual o jornalista é filiado, e o PSDB, que faz parte da federação partidária. No modelo, as legendas que se unem precisam agir como se fossem uma sigla única.

O PSDB é majoritário na federação com o Cidadania. Dos 11 integrantes da comissão que vai definir os rumos da coalizão no estado, oito são tucanos.

“Foi um festival de negociações. Então, antes que o prazo fatal chegasse, resolvi ligar para o governador e agradecer seu convite”, conta Eduardo Costa.

Ter Eduardo Costa como vice era uma vontade de Romeu Zema. Agora ele deve tentar emplacar na vaga de vice o ex-secretário-geral do governo, Mateus Simões, que é filiado ao Novo.

 


Avatar

editor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.