Por André Ribas e Guilherme Macedo

O Grêmio apresentou uma proposta para contar com o zagueiro Jemerson, do Atlético-MG, na próxima janela de transferências. Alvo do clube desde o início do ano, o zagueiro entende que uma mudança de ares terá um peso positivo para a carreira e tem o desejo de ser negociado.

O tempo de contrato – longo – e valores considerados interessantes servem de baliza para a tomada de decisão de Jemerson nessa busca de novos desafios. A volta do interesse do Grêmio no jogador do Atlético foi informada inicialmente pela Rádio Itatiaia e confirmada pelo ge.

Jemerson, de 31 anos, tem contrato com o Atlético até o fim deste ano, o que alimenta também o desejo de uma possível saída na janela de julho. Por outro lado, a comissão técnica do Galo, liderada por Gabriel Milito, tentou convencê-lo de ficar.

Não é a primeira vez que o Grêmio faz investida por Jemerson. No começo da temporada, o Tricolor gaúcho esteve praticamente acertado com o defensor. Na última hora, o Atlético recuou nas negociações. A oferta gremista era de transferência definitiva, com pagamento de um valor próximo de R$ 8 milhões.

Revelado pelo Galo em 2013, Jemerson foi titular e campeão da Copa do Brasil de 2014. Disputou 36 partidas naquele ano, e seguiu titular na campanha do vice-campeonato brasileiro de 2015. No ano seguinte, foi vendido ao Mônaco, em um negócio próximo de 11 milhões de euros.

Em junho de 2022, o Atlético anunciou o retorno de Jemerson, que rescindiu contrato com o Metz, da França. O zagueiro tem 190 jogos com a camisa alvinegra, com oito gols marcados.


Avatar