O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), indicou a seus aliados que pretende definir em agosto, após o recesso parlamentar, seu candidato favorito para a sucessão na Casa Legislativa. Atualmente, o líder do União Brasil, Elmar Nascimento (BA), é o principal nome apoiado por Lira, mas o presidente da Câmara tem destacado que Elmar precisa diminuir as resistências ao seu nome até agosto.

Elmar Nascimento conta com o apoio do bloco do centrão, mas enfrenta oposição tanto da esquerda quanto da direita. Partidos como o PT e o PL, que possuem algumas das maiores bancadas na Câmara, preferem outros candidatos. Em uma conversa com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Lira assegurou que não apoiará um candidato que possa causar dificuldades para o Palácio do Planalto. Ficou acordado que Lula teria um poder de veto na escolha do candidato.

Elmar, que criticou Lula no segundo turno da disputa presidencial, gerou desconforto no presidente, mas tem se esforçado para conquistar apoio tanto do PT quanto do PL. Apesar disso, o Palácio do Planalto tem demonstrado preferência por outros candidatos, como Marcos Pereira (Republicanos-SP) e Antônio Brito (PSD-BA), que também têm apoio de parlamentares da oposição.

O governo federal considera o apoio de Lira estratégico, especialmente após sua reeleição com um placar histórico de 464 votos. A influência de Lira é vista como crucial para a definição do próximo presidente da Câmara dos Deputados.


Avatar

administrator