Informações de Contato

Belo Horizonte - MG

Atendimento

Por Fábio Zanini (Painel)

O deputado federal Elias Vaz (PSB-GO) e o senador Jorge Kajuru (Podemos-GO) acionaram o ministro do Supremo Tribunal Federal Luiz Fux para suspender o decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) que autoriza a destruição de qualquer tipo de caverna para construção de empreendimentos de utilidade pública.

Os parlamentares protocolaram um mandado de segurança no STF pedindo a suspensão.

Segundo eles, a alteração proposta por Bolsonaro “produz efeitos prejudiciais e perigosos” e reduz a proteção das cavernas do Brasil.

Eles afirmam que o “pano de fundo” da edição do decreto é a pressão dos ministérios do Meio Ambiente, Minas e Energia e o Infraestrutura para “facilitar o licenciamento de empreendimentos de impacto, como atividades de mineração e duplicações de estradas”.

O decreto de Bolsonaro revoga uma regra anterior que garantia a proteção de cavernas classificadas como de grau de relevância máximo e autoriza modificações nas estruturas, desde que haja autorização dos órgãos responsáveis e compensações ambientais.

Fonte: Folha de São Paulo


Avatar

editor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.