Informações de Contato

Belo Horizonte - MG

Atendimento

A situação da pandemia no Brasil melhorou no último mês, avalia 67% da população. Para essa parcela dos brasileiros, o cenário epidemiológico está “menos grave” na comparação com um mês atrás. A informação é da pesquisa PoderData realizada de 27 de fevereiro a 1º de março de 2022.

No levantamento realizado de 31 de janeiro a 1º de fevereiro, só 29% consideravam que a pandemia estava “menos grave” na comparação com o mês anterior. Na última 5ª feira (3.mar.2022), o Brasil registrou o menor número de casos de covid-19 desde 27 de janeiro de 2022.

Em contrapartida, a parcela dos brasileiros que considera que a pandemia está mais grave caiu para 10%. No levantamento anterior, essa taxa era de 29%.

Já 18% consideram que a situação da pandemia está igual a de um mês atrás. Outros 5% não souberam responder.  O pico da pandemia no Brasil foi no dia 3 de fevereiro de 2022 após o Ministério da Saúde registrar 298.408 novos casos e uma média móvel de 189.526. Em janeiro, a curva de média de casos chegou a subir 834%.

No entanto, a partir de 12 de fevereiro, o indicador passou a entrar em queda. A pesquisa foi realizada pelo PoderData, com 3.000 entrevistas, de 27 de fevereiro a 1º de março de 2022. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. O intervalo de confiança é de 95%. O registro no TSE é BR-01570/2022.


Avatar

editor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.