Concessionária que administra o Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, a CCR Aeroportos estuda o desenvolvimento de um novo terminal integrado a um complexo comercial.

O projeto ainda é preliminar e está sob análise, mas foram divulgadas nesta terça-feira (18) imagens do projeto para o complexo, com uma concepção “mais moderna”.

O projeto prevê dois pisos para o centro comercial: térreo e 1º piso. A área aproximada seria de 26 mil metros quadrados, com lojas, restaurantes, bancos e outros serviços.

O Terminal de passageiros também teria dois pisos, com área estimada em 2,6 mil metros. A construção do novo terminal demandaria uma nova via de acesso.

Segundo a concessionária, o objetivo é “transformar o Aeroporto em ponto de permanência de clientes, não só de passagem”. O modelo aproveitaria a proximidade do Terminal com outros equipamentos, como o Conjunto Arquitetônico da Pampulha, o Mineirão, o Mineirinho e o Zoológico de Belo Horizonte.

O projeto prevê uma área VIP, com foco em aviação geral. Nesse espaço, está prevista uma sala de embarque restrita aos usuários da aviação geral, com serviços como café, bar e drinks. O projeto também cita uma sala de reunião e uma área de vistoria de segurança.

A CCR Aeroportos reforça que o projeto ainda é preliminar e está sujeito a adequações, além da avaliação de viabilidade econômica e financeira.

O estudo é analisado pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra) e órgãos responsáveis por licenciamento ambiental e pelo patrimônio histórico do estado.


Avatar