Por Laura Rezende

Artilheiro isolado do Brasileirão com 19 gols, Paulinho tem chance de terminar o Brasileirão como o maior goleador e ainda colocar o Galo, junto de Santos e Fluminense, como os times que mais vezes tiveram artilheiros no Brasileirão.

O Galo teve desde 2003 três artilheiros (Hulk, Fred e Tardelli). O mais recente, em 2021, com Hulk. No ano multicampeão do Galo, onde levantou o troféu de Campeão Brasileiro depois de 50 anos, o camisa 7 do Galo balançou as redes 19 vezes na competição, número atual do Paulinho.

Antes, o artilheiro do Galo no Brasileirão em 2016 foi o atacante Fred. Naquele ano, o atacante que defendia o Galo fez 14 gols no Brasileirão. Ele ficou empatado com William Pottker (Ponte Preta) e Diego Souza (Sport). O Fred ainda vai figurar na lista desta matéria como artilheiro de outro clube.

Mas, no Galo, outro goleador foi Diego Tardelli, em 2009. Ele marcou 19 gols e ficou ao lado de Adriano Imperador, na época pelo Flamengo, como artilheiro do Brasileirão.

O Fluminense tem quatro artilheiros diferentes desde o início da era dos pontos corridos, Cano (2022), Fred (2012 e 2014), Henrique Dourado (2017) e Washington (2008). O Santos também tem quatro artilheiros diferentes desde 2003. São eles: Kléber Pereira (2008), Borges (2011), Ricardo Oliveira (2015), Gabigol (2018).

Paulinho tem a chance de marcar mais uma vez diante do Bahia, na Arena Fonte Nova. O camisa 10 soma 19 gols no Brasileirão. O último no fim de semana diante do São Paulo garantiu a vitória atleticana.


Avatar