É oficial! Fazendo jus à fama, Belo Horizonte pode sim ser chamada de a “Capital dos Bares”. O título foi reforçado em um levantamento feito pela Associação de Bares e Restaurante (Abrasel), que mostrou que a proporção de bares por habitantes em BH é a maior entre todas as capitais – mais que o dobro de São Paulo, por exemplo.

O estudo comparou os dados de população do Censo com o número de estabelecimentos ativos na base da Receita Federal.

Nesta lista, BH desponta na liderança, com 178 bares a cada 100 mil habitantes. Em seguida está Florianópolis, com 150 bares na mesma proporção de moradores. Já o Rio de Janeiro ficou em 8º lugar, e, mais distante ainda, a cidade de São Paulo, em 14ª colocada (veja ranking abaixo).

“Não é surpresa, há muito sabemos informalmente que Belo Horizonte é a capital dos bares e botequins. Qualquer pessoa que já tenha visitado a cidade por alguns dias pode atestar isso. Mas agora não há espaço nem mesmo para contestação”, diz o presidente-executivo da Abrasel, Paulo Solmucci.

Nesta sexta-feira (8), o Globo Repórter vai mostrar histórias de botecos pelo país, e claro, Belo Horizonte está na rota.

De acordo com a Receita Federal, Belo Horizonte tem 4.136 bares.

Considerando-se a área do município, são 12,5 bares por quilômetro quadrado na cidade. Esse número também é muito superior aos de todas as outras capitais.

Seguindo este critério, São Paulo fica em segundo lugar, com 5,9 bares a cada quilômetro quadrado. Logo à frente da terceira colocada, vem o Rio de Janeiro, que tem 5,1 bares por quilômetro quadrado. Em números totais, São Paulo tem 9.043 bares e o Rio de Janeiro 6.175.


Avatar

administrator