Informações de Contato

Belo Horizonte - MG

Atendimento

O ex-juiz Sergio Moro, pré-candidato à Presidência do Podemos, voltou a atacar o presidente Jair Bolsonaro (PL) e Luiz Inácio Lula da Silva nesta sexta-feira (25/2). Em suas redes, o ex-ministro disse que o chefe do Executivo optou por apoiar a Rússia no conflito contra Ucrânia, “sob os aplausos do PT” de Lula.

Bolsonaro segue em silêncio sobre o ataque russo à Ucrânia. Em sua única menção ao assunto, o presidente disse que governo dará apoio aos brasileiros no país, mas criticou o comentário do vice-presidente, Hamilton Mourão, que, ao contrário da cautela demonstrada até o momento pelo Itamaraty, comparou Putin a Adolf Hitler, ex-líder nazista alemão.

Na quinta-feira (24), Moro já havia criticado nota divulgada pelo PT, apontando o caráter “ideológico” do posicionamento da legenda.

O texto chegou a ser publicado no perfil da Liderança do PT no Senado, mas foi apagado em seguida.

Fonte: Correio Braziliense


Avatar

editor