Informações de Contato

Belo Horizonte - MG

Atendimento

O líder do PT na Câmara, Reginaldo Lopes, entrou com representação ao TCU e à PGR contra a contratação pelo Ministério da Economia de uma empresa responsável pelo disparo de quase 2 bilhões de mensagens de texto via celular, num contrato de R$ 84,2 milhões por três anos.

Na contratação, a pasta de Paulo Guedes justificou a necessidade de usar a ferramenta para notificar usuários sobre os serviços públicos do governo. Segundo a Veja, essas mensagens vão servir, por exemplo, para avisar cidadãos sobre benefícios em pagar contas dentro dos prazos.

Na representação, o deputado pede que “seja determinada a suspensão da referida contratação e proibido o repasse de qualquer recurso à empresa contratada, até final decisão do Tribunal de Contas da União”.

Diz Lopes:

“Trata-se de conduta reprovável, que causará prejuízo ao erário e benefícios indevidos ao presidente e candidato à reeleição, de modo que deve ser analisada com profundidade por esse Tribunal de Contas da União e pelo Ministério Público Federal”.

 


Avatar

editor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.