O América empatou com o São Paulo em 2 x 2 e foi eliminado da Copa do Brasil. A missão de vencer por dois gols de diferença já era difícil e ficou ainda pior com o time levando dois gols em 28 minutos, no primeiro tempo.

Wellington Paulista ainda diminuiu, na etapa inicial, e Everaldo empatou, no segundo tempo, mas a virada, que levaria a decisão para os pênaltis, não veio.

O resultado interrompeu a sequência do América, que vinha de quatro vitórias no Brasileirão. Com a classificação, o time paulista vai receber R$ 8 milhões e enfrentar o Flamengo na semifinal.

O jogo

Vagner Mancini promoveu alterações no América. Para tentar furar a defesa tricolor, Wellington Paulista voltou ao time titular no ataque. E para segurar os adversários, o time entrou com três zagueiros: Éder, Maidana e Ricardo Silva.

A partida começou quente, mas com uma jogada violenta. Everaldo acertou Pablo Maia, logo no primeiro minuto, e o jogo teve que ser paralisado. No reinício, várias faltas dos dois lados, na área central do campo, As duas equipes tentavam jogadas pelo lado direito de ataque, só que o São Paulo ficava mais tempo com a bola no pé.

E esse domínio se transformou em gol na primeira finalização da partida, aos 22 minutos. Bola rolada para Luciano, na meia-lua, e ele acertou um belo chute no canto direito de Matheus Cavichioli. São Paulo 1 x 0. O Coelho passou a precisar de dois gols para levar a decisão para os pênaltis.

O ataque são-paulino continuava envolvendo a defesa americana pelo lado direito. Igor Gomes ajeitou de letra, Luciano e Reinaldo tiveram chances, dentro da área, mas a bola foi para fora. E o segundo gol não demorou a sair. Aos 28, Calleri tocou para Luciano marcar de novo. 2 x 0.

O América tentou reagir. Cáceres cruzou, Juninho desviou de cabeça, mas a bola foi nas mãos de Jandrei. Na sequência, Iago Maidana soltou uma bomba e o goleiro mandou para escanteio.

O VAR chamou o árbitro para revisar um cruzamento na área do São Paulo. Reinaldo abriu o braço e cortou uma cabeçada de Maidana na área. Pênalti marcado para o América, aos 41 minutos. Wellington Paulista cobrou, com direito a paradinha, e diminuiu. 2 x 1 São Paulo.

O América voltou para o segundo tempo só com dois zagueiros. Maidana sentiu e foi substituído pelo meia Matheusinho. Quem chegou primeiro com perigo foi o São Paulo. Rodrigo Nestor invadiu a área e chutou cruzado para defesa de Cavichioli.

Juninho, da entrada da área, tentou de esquerda e o chute saiu sem direção. Aos 11 minutos, Miranda derrubou Everaldo, perto da grande área, o zagueiro são-paulino, que já tinha levado um cartão amarelo, tomou o segundo e foi expulso. Quando a falta foi batida, Danilo Avelar cabeceou para fora.

Mesmo com um a menos, o tricolor foi à frente. Pablo Maia chutou forte e Cavichioli pegou. Na resposta, Pedrinho cruzou da esquerda e Everaldo chutou no alto, sem chance para Jandrei. 2 x 2. Mais um gol levaria a decisão para os pênaltis.

São Paulo no ataque, Nikão bateu falta e a bola passou perto do gol americano. Juninho teve uma chance sozinho na pequena área e errou o chute, mas o impedimento já havia sido marcado.

O América seguiu pressionando, na base da raça, e não conseguiu o golzinho que faltava para, pelo menos, tentar decidir nos pênaltis. No domingo, o Coelho enfrenta o Atlético PR, em Curitiba, às 18h, pelo Brasileiro.


Avatar

administrator