Informações de Contato

Belo Horizonte - MG

Atendimento

Gruta do Maquiné descoberta em1825

Uma viagem subterrânea em meio às belezas naturais é aventura garantida para quem visita a Gruta do Maquiné, localizada na cidade de Cordisburgo, a 120 km de Belo Horizonte. A caverna, descoberta em 1825, pelo fazendeiro Joaquim Maria Maquiné, o Seu Maquiné, é considerada o berço da paleontologia brasileira e possui sete salões com belíssimas formas arquitetônicas, esculpidas pelo trabalho da água durante milênios.

O monumento está localizado a 5 km da sede municipal de Cordisburgo, na rodovia MG 421. Saindo de Belo Horizonte, o principal acesso para Cordisburgo é através da BR 040 e, em seguida, pela MG 231, no trevo próximo a cidade de Paraopeba. A exploração científica do local foi realizada pelo dinamarquês Peter Wihelm Lund, quase uma década depois do achado na fazenda de Seu Maquiné. Ele fazia peregrinações pela bacia do Rio das Velhas à procura de espécies de animais e vegetais. Durante dois anos de pesquisa, o botânico e zoólogo descobriu restos humanos e de animais pré-históricos originários do período Quaternário, que corresponde à Era Cenozoica da escala de tempo geológica. Entre eles, esqueletos de aves fossilizadas com curvaturas de até três metros.

A Gruta do Maquiné se tornou ponto turístico da terra do escritor Guimarães Rosa por abrigar, ao longo de 650 metros, belas esculturas naturais e estalactites de diversas formas no teto da caverna. A área aberta para os visitantes, com aproximadamente 400 metros de extensão, é estrategicamente iluminada para realçar as figuras desenhadas pelo tempo. O passeio pela gruta é feito por seguras passarelas e é acompanhado por um guia local.

Os salões e as galerias encantam e provocam a imaginação do turista. No Salão do Urso ou do Elefante, por exemplo, um grande cogumelo lembra o formato da explosão de uma bomba atômica. Já na Galeria das Fadas, é possível encontrar cristais brilhantes, parecidos com franjas, grinaldas e lustres.

A Gruta possui as seguintes infraestruturas e equipamentos: Amplo estacionamento para ônibus e automóveis; Espaço para comércio de produtos como lanchonete, doces, artesanatos, livros; Sanitários públicos (masculino e feminino);Bilheteria, guarita, bancos para descanso, escadas, rampas de acesso e Intervenções realizadas nos ambientes internos da gruta, com iluminação artificial e piso em trechos específicos

A visitação acontece todos os dias, das 08:30h às 16:30h.

Não se recomenda a entrada de pessoas portadoras de imunodeficiências; de pessoas claustrofóbicas ou de pessoas com dificuldades de locomoção. A visita é guiada.

Para visitar a gruta com segurança, é obrigatório o uso de sapatos fechados. Informações (31) 99564-6656.

Festuris

Há 33 anos lançando tendências, reunimos as principais marcas e players do turismo brasileiro o 34º Festuris Festares realizado em novembro em Gramado, serra gaúcha terá estas empresas do Brasil e exterior mostrando a potência do turismo na geração de emprego e renda. Com o mercado em plena ascensão já contabilizados um crescimento de mais de 30% em relação a edição do ano passado.

Participantes do Brasil e exterior movimentaram ano passado o Festuris

A mais efetiva feira de Negócios Turísticos da América do Sul trará infinitas oportunidades de fechar estas empresas abertas: https://ms.sigevent.com/visitantes/id_edicao=33&utm_campaign=abertura_inscricoes_festuris_2022&utm_medium=email&utm_source=RD+Station

Agenda Brasil

Será realizado nos dias 16 E 17 de setembro, na Fecomercio em São Paulo, FECOMERCIO-SP, a Agenda Brasil 2022, com o objetivo de discutir e apresentar propostas para o desenvolvimento econômico e social do Brasil.

Com mais 20 nomes referência, entre palestrantes e painelistas, o evento realizado pelo @BrasilC&VB vai muito além da troca de conhecimentos e networking, é uma oportunidade de negócios e parcerias.

Patagônia Argentina

Região localizada no extremo austral da América do Sul, a Patagônia está disposta nos territórios da Argentina e Chile, sendo delimitada a leste pelo Oceano Atlântico e oeste pelo Pacífico. Graças a sua localização, é conhecida por suas condições climáticas extremas e paisagens exuberantes que vão desde pradarias a fiordes e geleiras.

Na Argentina, onde está sua maior extensão, essa região compreende as províncias de La Pampa, Neuquén, Rio Negro, Chubut, Santa Cruz e Terra do Fogo. E abriga alguns dos atrativos mais conhecidos pelos viajantes brasileiros, como a temporada de esqui de Bariloche, o glaciar Perito Moreno e Ushuaia, a cidade do “fim do mundo”.

Mas a Patagônia não se resume aos passeios mais famosos. O que não faltam por lá são opções de aventura e ecoturismo, como trekkings e trilhas em parques nacionais, navegações pelos lagos andinos, roteiros de 4×4, observação de baleias, entre outros.

Pensando nisso, a Patagonia Experiencia Travel, agência especializada em experiências em roteiros pela região, que figura entre os desejos da maioria dos viajantes, selecionou cinco destinos imperdíveis para conhecer na Patagônia Argentina. Descubra:

Bariloche

Segundo pesquisa da Decolar, Bariloche é o 5º destino preferido dos brasileiros para as férias de julho de 2022. E não é à toa, afinal é um dos lugares mais conhecidos dos brasileiros pela temporada de neve.

Mas engana-se quem pensa que se resume às estações de esqui. Além do famoso Cerro Catedral, há atrações como o Circuito Chico, a Cachoeira dos Cántaros, a Ilha Victoria e o Bosque de Arrayanes.
Em Bariloche, além de praticar esportes de neve, como esqui e snowboard, também é possível se aventurar em passeios de caiaque, kitesurfe, escalada e rafting durante as estações mais quentes.

Villa La Angostura

A apenas 80 quilômetros de Bariloche, Villa La Angostura está localizada na costa norte do Lago Nahuel Huapi. O destino também é bastante visitado no inverno, principalmente por conta do Cerro Bayo, um centro de esqui local com pistas de diversos níveis de dificuldade.

Mas a cidade também conta com um clima romântico, abrigando pousadas charmosas, hotéis de luxo e restaurantes de alta gastronomia.

E é conhecida como “Os Jardins da Patagônia”, principalmente por conta do Parque Nacional Los Arrayanes, que abriga as tradicionais árvores de troncos alaranjados.

El Calafate

Considerada a capital nacional dos glaciares, El Calafate é a porta de entrada para desbravar os 726.927 hectares do Parque Nacional Los Glaciares, um dos principais atrativos da região patagônica.

E é justamente no parque que está o grande destaque local: o glaciar de Perito Moreno. A enorme geleira tem 250 km² de área e 60 metros de altura e pode ser visitada por meio de um minitrekking, caminhada pelas passarelas do mirante ou ainda em um passeio de barco.

Em El Calafate, vale a pena visitar ainda a Estância Cristina, de onde se pode observar o Glaciar Upsala, e Cerro Frias, que reúne atividades de aventura na montanha, além de fazer passeios de barco, trem ou 4×4 e observação de animais marinhos.

Ushuaia

Ushuaia é a cidade mais austral do mundo, o que significa que é o ponto mais ao sul do planeta, e por isso recebeu o apelido de “Cidade do Fim do Mundo”.

Repleto de atrativos naturais exuberantes e curiosidades, o destino atrai viajantes aventureiros em busca de trilhas e passeios por parques nacionais, passeios de catamarã no Canal de Beagle, esqui nas montanhas de Cerro Castor, entre outras coisas.

Além de uma visita ao Parque Nacional Tierra del Fuego, que abriga uma floresta subantártica sombreada por enormes faias, vale a pena conhecer os lagos Fagnano e Escondido, o Cabo San Plablo e a Laguna Esmeralda.

El Chaltén

El Chaltén, também conhecida como “a Capital Nacional do Trekking”, é um paraíso dos amantes de ecoturismo, reunindo uma infinidade de trilhas e atividades ao ar livre.

Entre os destaques locais estão as Lagunas de los Tres e Capri, que possibilitam avistar o Monte Fitz Roy, já na fronteira com o Chile; o Lago del Desierto e o Glaciar Huemul.

A cidade também é um ótimo lugar para observar animais selvagens, com uma população e aves, incluindo o papagaio da Patagonia, assim como o Huemul sul-andino, uma espécie de veado nativo das montanhas argentinas e chilenas.

A agência é especializada em destinos do chamado “Fim do Mundo” e reúne experiências por lugares como El Calafate, Ushuaia, El Chaltén, Puerto Madryn, Puerto Varas, Bariloche, Villa la Angostura, San Martin de los Andes, Parque Nacional Torres del Paine, Carretera Austral e muito mais.Para mais informações de pacotes completos e personalizados visite o site: https://www.patagoniaexperience.com.br/

Coluna Minas Turismo Gerais

Jornalista Sérgio Moreira @sergiomoreira63

Informações para a coluna [email protected]


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.